quinta-feira, 19/10/2017
Últimas do LeS:
Capa » Notícias » Resenha: “Noite eterna”, de Claudia Gray

Resenha: “Noite eterna”, de Claudia Gray

Livro: Noite Eterna
Série: Noite Eterna
Autor (a): Claudia Gray
Páginas: 304
Editora: Planeta
Resenha por: Nina
Compre: Saraiva Submarino Cultura Folha Travessa

Um livro contado entre revelações surpreendentes, grandes reviravoltas e mistérios sobrenaturais, uma obra de tirar o fôlego.

Sucesso nos Estados Unidos, Noite eterna acompanha a história de Bianca Oliver, uma menina que vai viver sua história de amor em uma escola nada comum. Uma das pioneiras na tendência de romances misteriosos, Claudia Gray traz uma narrativa de tirar o fôlego.

Bianca acaba de deixar a cidade pequena onde vivera sua vida inteira. Ela é aluna nova em Noite Eterna, uma escola misteriosa, onde seus colegas parecem perfeitos demais para ser verdade: inteligentes, sagazes e quase predatórios. Bianca sente-se como se não pertencesse àquele lugar, até que conhece Lucas, que parece determinado a não se tornar mais um dos tipos esquisitos. A química entre os dois é inegável e Bianca se vê disposta a arriscar tudo para viver este amor. Mas alguns segredos obscuros vão surgir no caminho e farão a jovem questionar tudo em que até hoje acreditou.

A trama é marcada por uma reviravolta que vai surpreender os leitores. Noite eterna é o primeiro volume da série que a Editora Planeta traz ao Brasil.

Muitas comparações entre Claudia Gray e Stephenie Meyer surgiram depois que várias traduções amadoras de Noite Eterna e Crepúsculo começaram a ficar populares pela internet, e isso fez com que fãs de uma saga se interessassem por ler a outra. O meu caso é um bom exemplo disso, pois ao saber da rixa que alguns fãs, logo peguei uma tradução da internet pra ler.

Muito se falou, porém pouco eu vi que realmente merecesse se destacar num comparativo de obras. Acho que as duas autoras trazem temas em comum (amor adolescente, romance vampiresco) para o mesmo público, mas com abordagens distintas.

Comparações a parte, Noite Eterna inicia de uma forma bem morna, pra não dizer previsível. Mas quando eu achava que sabia tudo sobre o enredo, de como seria o andamento da história, Claudia Gray me surpreendeu de uma maneira completamente inovadora. E a cada capítulo, ela trazia outros elementos que davam muito ritmo, tornando a leitura frenética.

Após ter me encantado com a história numa tradução da internet, foi uma grata surpresa ver como o trabalho da Editora Planeta fez com que fosse uma prazer ainda maior ler Noite Eterna. Embora a tradução algumas vezes pareça cometer alguns deslizes (quem lê muito em inglês percebe quais são esses deslizes), a diagramação e todo o trabalho de editoração fazem com que o livro seja tão bonito esteticamente quanto em relação ao enredo.

Claudia Gray soube construir uma história muito intrigante, com peculiaridades que fazem o leitor imaginar o previsível e aponta um caminho completamente oposto e pega de surpresa. E como todo livro com uma continuação, o fechamento do livro faz com que você se apaixone e mal possa esperar para ler o róximo volume.

Sobre Nina Lima

Poderia ser qualquer outra coisa, mas resolveu ser turismóloga e apaixonada pela Inglaterra e pelo McFLY. Leu a trilogia Jogos Vorazes em três dias e amou; considera Harry Potter a melhor série do mundo, adora a escrita da Meg Cabot e topa qualquer YA Book.

5 comentários

  1. Gosto muito dessa série. É uma das que espero ansiosamente o lançamento dos próximos livros =D

  2. Eu amo essa série!!!
    “Comparações a parte, Noite Eterna inicia de uma forma bem morna, pra não dizer previsível. Mas quando eu achava que sabia tudo sobre o enredo, de como seria o andamento da história, Claudia Gray me surpreendeu de uma maneira completamente inovadora. ”

    Eu sei qual esse momento de surpresa seu, quando eu li as frases (pois em poucoas frases a Claudia Gray vira o mundo da história de cabeça para baixo) eu não acreditei, tive que reler várias vezes, eu não registrava aquilo na cabeça!!!

  3. eu adorei esse livro e é previsivel mesmo no inicio maaas com uma virada q me fez ficar espantada. Li a sequencia q é boa mas nao achei nada comparado a emoção do primeiro mas mesmo assim quero ler a serie inteira.
    Gostei muito da Bianca e sou apaixonada por Lucas.
    :)

  4. Me interessei pelos livros vou procurá-los para ler…

  5. eu estou perdidamente apaixonada por esse livro, mas teve pequeno problama eu pegei 2º volume que aqui na espanha se chama despedida ee agora quero mto ler o primeiro volume, eu qeria conversa com o dono desa website, quero alguem para dividir minha esperiencia me segui no twitter @bahmunh

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*