segunda-feira, 18/12/2017
Últimas do LeS:
Capa » Resenhas de Série » Resenha: “Dark Eden – o medo é a cura”, de Patrick Carman

Resenha: “Dark Eden – o medo é a cura”, de Patrick Carman

Livro: O medo é a cura
Série: Dark Eden
Autor: Patrick Carman
Páginas: 240
Editora: Gutenberg
Resenha por: Bruna
Comprar: Saraiva Submarino Cultura Folha Travessa

Somos 7 desconhecidos. Ninguém pode nos achar. Seis pensam que a cura irá funcionar. Mas somente eu sei a verdade. Este lugar irá nos destruir.

Quando Will se aproxima do Forte Éden pela primeira vez, logo percebe que algo está errado. Enquanto descobre segredos terríveis a cada passo, ele irá se deparar com um profundo e oculto medo dentro de si, um obscuro mistério de mil anos e a inesperada garota dos seus sonhos. Será ele capaz de salvar a todos dos perigos do Forte Éden antes que seja tarde demais?

“Algumas pessoas não vão a lugar algum sem um celular ou um livro. Eu sou assim com o meu Gravador.” – pg. 36

Minha relação com esse livro foi curiosidade instantânea. Desde que peguei ele de uma prateleira na Livraria Cultura nas mãos pela primeira vez, só pra inspecionar a sinopse, fiquei intrigada com a história. A primeira coisa que me chamou a atenção foi a capa, depois o título, pois ambos dão um ar sombrio ao livro. Depois de ver que o autor era Patrick Carman (um dos autores da série 39 Clues) e de ler a curta e intrigante sinopse estava decidido: eu precisava ler esse livro. Esperava muitas coisas dessa história, mas ela me supreendeu em tantos momentos e de tantas maneiras que acabou se tornando um livro super queridinho da minha estante.

O tema central da história é algo comum a todo e qualquer ser humano que existe nesse mundo: o medo. Não somente o medo comum, mas o medo irracional de alguma coisa ou de algum evento, as famosas fobias, chamadas de medo agudo no livro. Acompanhamos então Will, o personagem principal, e outros 6 adolescentes – Ben, Kate, Connor, Alex, Marisa e Avery – que são enviados por seus pais para o Forte Éden, para realizarem um tratamento, para perderem essas fobias. Acontece que o Forte Éden é uma fortaleza no meio do mato, completamente isolado, onde claro, não há nenhum sinal para se usar celular e a ambientalização toda do Forte é muito sinistra. Sinistra para um livro jovem adulto, vejam bem.

Acompanhamos todo o processo sob o ponto de vista de Willl, que acaba se isolando na casa. O mais interessante de tudo é que não sabemos qual é a fobia de cada um dos participantes até eles serem “tratados” diretamente, o que torna toda a leitura ainda mais misteriosa. O processo de “cura” é beeeeeem fora do convencional, em alguns momentos me lembrando da série de filmes Jogos Mortais, mas em uma versão mais light. Aliás, fora do convencional parece ser o termo que norteia a história. O autor descreve algumas cenas com tamanha intensidade que acabamos sentindo medo junto com os personagens em algumas das passagens. Uma mistura de jovem adulto, suspense, terror e thriller psicológico, algo, pra mim, bem diferente do que existe por aí no mercado literário.

Outros diferenciais do livro são os inícios de capítulos ilustrados, o trabalho editorial do livro está impecável, e também a presença de mapas em algumas partes que ajudam o leitor a se posicionar no Forte Éden. Confesso que do jeito que o livro terminou, não vejo como a história pode continuar no próximo livro. Achei que todas as pontas foram bem amarradas e a história teve um desfecho satisfatório. Agora é esperar pelo segundo livro, que ainda não tem data de lançamento aqui no Brasil.

Sobre Bru Fernández

Formada em Letras, trabalha como Revisora e Tradutora em uma agência publicitária e preenche suas horas vagas assistindo a seriados, filmes e partidas de futebol, vôlei, basquete e ice hockey, além de ouvir música, ir a shows e, claro, ler. Não curte chick-lits e prefere os thrillers, policiais, YA e fantasia. Nunca sai de casa sem guarda-chuva e um livro na bolsa, afinal nunca se sabe quando irá chover ou surgir uma fila/trânsito em São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*