quarta-feira, 16/01/2019
Últimas do LeS:
Capa » Resenhas de Série » Resenha: “A evolução de Mara Dyer”, de Michelle Hodkin

Resenha: “A evolução de Mara Dyer”, de Michelle Hodkin

A evolução de Mara Dyer Livro: A Evolução de Mara Dyer (#02)
Série: Mara Dyer
Autor(a): Michelle Hodkin
Páginas: 406
Editora: Galera Record
Tradução: Mariana Kohnert
Resenha por: Juh Claro
Comprar: Saraiva Submarino Cultura Americanas Travessa Amazon

As misteriosas e perigosas habilidades de Mara continuam a evoluir. Ela sabe que não está louca e agora precisa se prender desesperadamente à sanidade. Mara sabe que é tudo real: pode matar com um simples pensamento, assim como Noah pode curar com apenas um toque e que Jude, o ex-namorado morto por ela, está realmente de volta. Mas para descobrir suas intenções, deve evitar uma internação em um hospital psiquiátrico. Confusa com as paredes se fechando e ruindo ao seu redor, ela deve aprender a usar seu poder.

ATENÇÃO! Esse livro não é o primeiro da série e a resenha pode conter spoilers! Confira nossas resenhas anteriores dessa série, clicando na capa desejada:

A Desconstrução de Mara Dyer

A Evolução de Mara Dyer é o segundo livro da trilogia de Michelle Hodkin. Eu já publiquei a resenha do primeiro volume, A Desconstrução de Mara Dyer e demorei um pouco para escrever essa, mas eu o li assim que terminei o primeiro, porque era muita ansiedade!

Quando li o primeiro livro, achei que tinha encontrado o melhor livro de todos, mas após ler o segundo, acredito que encontrei uma das melhores trilogias… Apesar de estar morrendo de medo de como a Hodkin irá finalizar a história, também estou super ansiosa para ver se a trilogia toda será tão boa quanto os dois primeiros livros.

A Evolução de Mara Dyer começa exatamente onde o primeiro livro terminou, sem pular um acontecimento sequer. Mara acorda em uma cama de hospital sem lembrar como foi parar lá. Após seu surto ao encontrar seu “ex-namorado-morto” na frente da delegacia, ela foi levada ao hospital e está amarrada à cama. Apenas Noah acredita nela e isso não poderia ser pior.

Na verdade, podia sim: seus pais resolvem enviá-la ao Horizontes, uma clínica de reabilitação psiquiátrica, que ela precisará frequentar cinco vezes por semana e participar de diversas atividades terapêuticas. Seu único alívio aparece quando ela encontra Jamie também frequentando a clínica. Talvez não seja tão ruim assim… Ou não!

Um ponto negativo desse livro é que não encontraremos as respostas que queríamos após terminar o primeiro volume, muito pelo contrário: mais dúvidas começam a surgir, deixando tudo para ser respondido no terceiro livro (espero, pelo menos!).

Muitos acontecimentos malucos acontecem no Horizontes e, como o livro continua sendo narrado em primeira pessoa, não temos como ter certeza se são eventos reais ou apenas alucinações de Mara. Não dá para saber em quem confiar, qual loucura é a pior e também não temos Noah a todo momento disponível para nos acalmar um pouco (e à Mara também, claro). É algo mais insano que o primeiro livro e esse é o ponto positivo de toda a leitura.

O diferencial desse volume é que temos flashbacks. Não sabemos de quem são essas “memórias” e nem de quando são, apenas que elas aconteceram na Índia e estão totalmente relacionadas à nossa protagonista. Isso deixa ainda mais tenso o clima de todo o livro e algumas partes podem até ser um tanto quanto perturbadoras.

Se você gostou do primeiro livro e está com medo de continuar a trilogia, posso te garantir que pelo menos esse aqui faz jus à sua expectativa, então pode parar de frescura e ler logo!

O terceiro livro, The Retribution of Mara Dyer será lançado ainda esse ano pela Galera Record!


Aviso Legal: Esse livro foi adquirido pela própria resenhista.

Sobre Juh Claro

27 anos, formada em Design Digital, MBA em Gerenciamento de Projetos, trabalha como Analista de Projetos em uma multinacional de BPO (aka Contact Center) de segunda à sexta e divide os seus finais de semana e horas vagas entre leituras, shows, viagens e jogos de futebol, na maioria das vezes acompanhada do noivo.

Um comentário

  1. Luan Rodrigo

    Oi Juh, essa série me chama atenção e um dia irei lê-la. Um dia.
    Passeando por aí em outros sites encontrei informações sobre o volume 3: https://twitter.com/galerarecord/status/614176604256923648 aparentemente vai ser lançado em agosto. Enfim, gosto muito do site, passo pra dar uma conferida de vez em quando. XD

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.