sexta-feira, 17/11/2017
Últimas do LeS:
Capa » Resenhas Fora de Série » Resenha: “O safado do 105”, de Mila Wander

Resenha: “O safado do 105”, de Mila Wander

Livro: O Safado do 105
Autora: Mila Wander
Páginas: 510
Editora: Essência
Tradução:
Resenha por: Kinina e Mônica
Comprar: Saraiva Submarino Cultura Americanas Amazon

Podia ter sido com você. Mas foi comigo. E, dali em diante, descobri que morar sozinha podia significar tudo, menos tranquilidade. A minha mudança necessária não podia ser normal, afinal, eu não sou normal. Tenho uma família doida que me fez desenvolver distúrbios psicológicos irreparáveis.

Juro que só queria paz. Queria tédio. Queria um domingo de pura morgação diante do Faustão, comendo pizza requentada e esperando pela segunda-feira como quem espera pela morte.
Mas não. Nada seria igual e, ao mesmo tempo, seria tão louco quanto. Não podia esperar pelo diferente, não depois de ter conhecido o Sr. Calvin Klein, mais conhecido como o safado do 105.

Duvido que existem muitas mulheres que se depararam com esse livro em uma livraria ou na internet que não pararam para pelo menos dar uma segunda olhada na capa e sinopse. Vamos concordar que só a capa já é uma grande incentivo à leitura, e ainda com um título desses, quem não gostaria de levar um safado que nem esse pra casa? :P

Raissa com certeza é uma dessa mulheres que não deixaria a oportunidade passar batida. Tudo que ela almejava era independência e liberdade. Filha mais velha de uma família muito unida, já se sentia sufocada quando tomou a decisão de morar sozinha; sua casa era pequena, mas podia viver sua liberdade sem questionamentos. Assim que se ela muda, conhece o vizinho, um homem extremamente atraente que vive cuidando do seu jardim somente de cueca. Os dois dividem a mesma parece de quarto e rapidamente Raissa descobre que o “Sr. Calvin Klein” sempre tem uma garota diferente em sua cama. Raissa acompanha através da fina parede todos as safadezas do moço.

Os vizinhos rapidamente ficam amigos, e essa amizade é cheia de atração, sensualidade e sedução.

Calvin é chefe de cozinha e, apesar da aparência máscula, é carente. Sua mãe morreu quando ele nasceu e o pai faleceu recentemente, de câncer. Apesar de se entregar ao tesão e ao relacionamento físico com Raissa, ele não quer se envolver emocionalmente por conta do seu medo do amor e por não querer lidar com uma inevitável perda. Aos poucos o envolvimento e amizade dos dois vão ficando mais fortes, e ambos vão ter que aprender a lidar com suas expectativas, medos, desejos e várias situações de sexo ardente.

“Pare de pensar nisso. Acredite nela. Confie. Tudo vai dar certo. Chegou o seu momento de ser feliz, de compensar tantos anos torturantes.” – p. 392

Apesar de ser um livro bem grosso, ele não é pesado. A leitura é fácil, rápida e ainda conta com muitas citações da autora brasileira, Clarice Lispector. Destaque especial para os títulos que são extremamente engraçados e carismáticos, que te dão ideia do mood de Raissa e do que há por vir nas próximas páginas. Os títulos ainda são marcados sempre com uma gravura de uma bebida ou drinque que o casal costuma beber aos domingos.

Depois de terminar a leitura, me lembrei muito de Subindo pelas paredes, afinal, as histórias são muito parecidas: vizinhos que escutam demais pela parede e acabam se entregando um ao outro. Uma história contada de uma forma leve, engraçada e sensual. Apesar da história ser adulta e envolver sexo, não é uma história que acontece apenas pelo sexo. Os personagens são bem desenvolvidos e com personalidade, não são descritos apenas pelo seus aspectos físico. Para quem gosta de uma boa história ardente e contagiante, #ficaadica.


Aviso Legal: Esse livro foi cedido pela editora responsável pela publicação no Brasil como cortesia para o Livros em Série.

Sobre Kinina

Formada em Hotelaria e Análise de sistema, mas trabalha com Atendimento em uma agência publicitária. Passo o tempo lendo, assistindo seriados, ouvindo música e tendo ideias malucas. Vai que um dia alguma dá certo e ela fica rica e famosa...

3 comentários

  1. Quero!!!!

  2. Jaqueline Pinheiro

    Pena não ter um vizinho assim :(

  3. Quando li a sinopse super me lembrou a subindo pelas paredes. Me deu curiosidade, acho que vou procurar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*