sexta-feira, 20/10/2017
Últimas do LeS:
Capa » Resenhas de Série » Resenha: “A irmandade secreta” de Dani Ferreira

Resenha: “A irmandade secreta” de Dani Ferreira

Livro: A irmandade secreta (#01)
Série: Derek Dustin e as Crônicas do Rei
Autor: Dani Ferreira (@Dani_F_Autora)
Editora:
Páginas:
Tradução: x
Resenha por: Kinina
Comprar: Clique aqui

Em um mundo regido pelo mal, onde ser extraordinário é lei, um menino excepcionalmente normal parece comprometer a instabilidade do Império. Diante de um acontecimento inexplicável, e com a repentina revelação da Irmandade Secreta, inspirada no Rei até então desconhecido, Derek Dustin percebe que o mal ainda não triunfou.

Divertido, emocionante e surpreendente, A Irmandade Secreta apresenta grandes desafios e conflitos do cotidiano juvenil e adulto. Através de uma escrita simples e cativante – porém repleta de reflexões – somos convidados a participar do intrigante mundo criado por Dani Ferreira.

Derek Dustin é um menino extremamente normal nascido num reino onde todas as pessoas são dotadas de habilidades e não possuem problemas de saúde, já que a ciência e tecnologia estão tão avançados que podem eliminar qualquer coisa que possa colocar em risco a preservação e evolução do ser humano. Para manter essa a ordem o Imperador impõe que todas as crianças sejam criadas através de uma programação genética.

Apesar de Derek ter sido poupado da morte por não ter nascido dentro das leis de procriação, ele e sua família foram banidos da sociedade imperial e precisam viver e sobreviver dentro das limitações impostas.

De uma maneira leve, a história trata de assuntos muito importantes, como a importância da família; uma sociedade que vive sob o comando de um Imperador corrupto e mentiroso; bullying entre crianças; evolução da ciência – principalmente da genética; e dá ideia de como uma população pode lutar pelas suas crenças e liberdade. Mas tanto assunto sério está envolto de muita fantasia. Por algumas vezes, alguns personagens me lembraram os dementadores de Harry Potter e não tem como perceber a semelhança com distopias que já conhecemos e amamos, como Jogos Vorazes.

A capa do livro a primeira vista parece ser confusa, mas faz todo o sentido quando chegamos no clímax da história. É a ilustração de umas das principais partes da narrativa, quando muita coisa começa a fazer sentido.

A história tem alguns buracos e parece que falta algumas informações, mas tudo ficou um pouco mais claro depois que eu vi um vídeo da Dani Ferreira contando um pouco mais sobre a saga e o livro. Confira:

No site da autora você pode acompanhar notícias da série, ver o book trailer e ainda ler o primeiro capítulo de Derek Dustin e as Crônicas do Rei ;)


Aviso Legal: Esse livro foi cedido pelo autor como cortesia para o Livros em Série.

Sobre Kinina

Formada em Hotelaria e Análise de sistema, mas trabalha com Atendimento em uma agência publicitária. Passo o tempo lendo, assistindo seriados, ouvindo música e tendo ideias malucas. Vai que um dia alguma dá certo e ela fica rica e famosa...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*