domingo, 26/03/2017
Últimas do LeS:
Capa » Entrevistas » LeS entrevista Laura Conrado

LeS entrevista Laura Conrado

Original: Livros em Série
Entrevista: Bru Fernández & Kinina Cantarelli
Revisão: Bru Fernández

Por favor não copie, reproduza, distribua essa entrevista de nenhuma maneira sem consentimento prévio.

Livros em Série – 1) Como surgiu a ideia para o enredo de Quando saturno voltar?
Laura Conrado – O cotidiano sempre me inspira! Há muito anos, eu ouvi sobre o retorno de Saturno em uma dinâmica de emprego. Não fazia ideia do que era, nem sabia que o planeta volta ao mesmo lugar do céu a cada 29 anos nos pedindo reflexões e mudanças. Mas achei tão interessante que guardei. Quando fiz 29 anos, minha vida realmente mudou muito. Achei, então, que valeria uma premissa com esse conceito e ligada aos astros.

Livros em Série – 2) A capa de Quando saturno voltar é linda e tem uma combinação de cores maravilhosa! Você se envolveu no desenvolvimento da capa?
Laura Conrado – Ficou fofa, né?! As cores ficaram realmente lindas, eu amei cada detalhe. Foi uma surpresa da Globo Livros que cuidou com muito carinho e profissionalismo das etapas de editoração. Estou curtindo muito ser uma autora Globo Alt.

Livros em Série – 3) Quanto da sua personalidade está refletida em Déborah (personagem de Quando saturno voltar)? Você usou experiências pessoais para desenvolver a personagem?
Laura Conrado – Eu sempre acho que é possível conhecer o autor por meio de suas obras. Sempre nos colocamos, mesmo que um pouquinho, nas nossas criações. Alguns dos meus medos eu atribuí à Dedé. O bacana que é ver que essas mesmas questões fazem sentido à diversas leitoras.

Livros em Série – 4) Impossível evitar a pergunta clichê: você acredita em astrologia?
Laura Conrado – Acredito, sim! É uma boa forma de autoconhecimento. Como previsão, acredito que nos aponte tendências. O futuro não existe, estamos criando o amanhã agora.

Livros em Série – 5) Um dos melhores diferenciais em Quando saturno voltar, na nossa opinião, é a protagonista fanática por futebol. As mulheres que curtem esportes raramente são representadas na literatura, principalmente em chick-lits. O que a levou usar a paixão pelo futebol no seu enredo?
Laura Conrado – Pra começar, sou fã de mulheres que não se anulam para atender os padrões. Tenho uma consciência libertária no que tange a mulher nas representações sociais. Nos meus livros, nem sempre elas vão terminar com o crush, mas vão terminar amando mais a si mesma. Não gosto de personagens superficiais e dependentes do amor (como se o amor verdadeiro deixasse alguém dependente!). A trajetória delas, nos meus livros, são para crescer na autonomia, na liberdade, no amadurecimento diante da vida. Assim, estou sempre atrás de características bacanas para compor minhas protagonistas.
Eu adoro futebol e a atmosfera dele: o campo, a turma, a cervejinha para a resenha, a euforia da arquibancada, o torcer até o apito soar. Vejo muitas mulheres no estádio e nos bares, vestindo as camisas de seus times. Achei que seria muito bacana representar essa faceta da mulher contemporânea no livro. Além do mais, o futebol deixou o livro animado, com humor… Sempre penso nisso: universos que me permitam humor, afinal, é um chick-lit!

Livros em Série – 6) Qual o seu time do coração? O mesmo de Déborah?
Laura Conrado – Hahaha. Sou atleticana, Galo Doido. O time onde a Déborah trabalha é fictício, mas para o que ela torce eu preferi não nomear para que os leitores pudessem imaginar seu time. Como meu gosto pelo Galo é público, as pessoas acabam fazendo essas associação e concluindo que a Dedé também é atleticana. Como leitora, afirmo que ela é Galo; mas como autora, deixo que os leitores escolham.

Livros em Série – 7) O enredo de Quando saturno voltar foi baseado no poema Ode a uma estrela, de Pablo Neruda, ou a conexão só veio depois?
Laura Conrado – Sempre gostei de Neruda. Passei a ler mais quando acertei minha viagem ao Chile, em 2014. Gosto de conhecer os autores locais, passar por lugares onde eles escreveram. Assim, conheci Ode a uma estrela, um poema simples e muito profundo sobre nossa tentativa (inútil, claro!), de se controlar o amor. Achei que a temática casaria com perfeição com a do livro, sem falar ter estrela no título! Ficou tudo no céu, rs. Outra coisa que me impressionou foi, quando dividi o poema para compor as epígrafes do livro, como bateu certinho. Cada frase ficou no exato lugar do texto de QSV, os astros se alinharam à favor do livro!

Livros em Série – 8) Para finalizar gostaríamos de saber quais são seus próximos projetos. Pode nos adiantar alguma coisa sobre seu próximo livro? Alguma série em vista?
Laura Conrado – Estou escrevendo uma obra nova que tem me empolgado muito. É uma protagonista muito diferente de tudo que já escrevi e não muito comum ao mercado literário pop do país. Tem a ver com o universo acadêmico e com realidades bem brasileiras. E talvez seja uma dos mais engraçados que já escrevi até hoje. Espero em breve dar mais detalhes.

Para saber mais sobre o novo livro da autora, clique aqui e assista ao vídeo que ela fala um pouco mais sobre a sua nova protagonista, Melissa.

Queremos agradecer a Laura por ter disponibilizado seu tempo para responder as nossas perguntas.

Aproveitamos o ensejo para sortear um exemplar físico de Quando Saturno Voltar!

Para concorrer basta inserir seus dados no Rafflecopter (abaixo) e acumular pontos, até às 23:59 do dia 01 de abril de 2016! O sorteio será feito pela ferramenta no dia 04 de abril e o vencedor será divulgado aqui nesse post.

Boa sorte!

a Rafflecopter giveaway

Como usar o Rafflecopter?

Sobre Bru Fernández

Formada em Letras, trabalha como Revisora e Tradutora em uma agência publicitária e preenche suas horas vagas assistindo a seriados, filmes e partidas de futebol, vôlei, basquete e ice hockey, além de ouvir música, ir a shows e, claro, ler. Não curte chick-lits e prefere os thrillers, policiais, YA e fantasia. Nunca sai de casa sem guarda-chuva e um livro na bolsa, afinal nunca se sabe quando irá chover ou surgir uma fila/trânsito em São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*