domingo, 22/01/2017
Últimas do LeS:
Capa » Notícias » Audiolivro de “Jack, o estripador em Nova York”

Audiolivro de “Jack, o estripador em Nova York”

Está marcado para o dia 13 de abril de 2016, o lançamento da versão do audiolivro Jack, o Estripador em Nova York, de Stephan Petrucha. O audiolivro 3D é da editora Vestígio, tem quase 11h30 e tem o preço sugerido de R$24,90.

Mas o que é som 3D? Cada cena foi gravada e editada para que o ouvinte vivencie o livro e faça parte de cada cena junto com os personagens: detalhes do estalar da madeira, o ruído de uma porta, cada passo se aproximando ou mesmo a respiração forte dos personagens transportam o ouvinte para um novo universo.

Audiolivro Jack, o estripador em Nova York

Carver Young sonha ser um detetive, apesar de ter crescido num orfanato, tendo apenas romances policiais e a habilidade de abrir fechaduras para estimulá-lo. Entretanto, ao ser adotado pelo detetive Hawking, da mundialmente famosa Agência Pinkerton, Carver não só tem a chance de encontrar seu pai biológico como também se vê bem no meio de uma investigação de verdade, no encalço do cruel serial killer que estava deixando Nova York em pânico total. Mas quando o caso começa a ser desvendado, a situação fica pior do que ele poderia imaginar, e sua relação com o senhor Hawking e com os detetives da Nova Pinkerton entra em risco. À medida que mais corpos aparecem e a investigação ganha contornos inquietantes, Carver precisa decidir: de que lado realmente está? Com diálogos brilhantes, engenhocas retrofuturistas e a participação de Teddy Roosevelt, comissário da polícia de Nova York que viria a ser presidente dos Estados Unidos, Jack, o Estripador em Nova York desafiará tudo o que você pensava saber sobre o assassino mais famoso do mundo. E o deixará sem fôlego!

Escute uma prévia do audiolivro 3D abaixo:

Sobre Bru Fernández

Formada em Letras, trabalha como Revisora e Tradutora em uma agência publicitária e preenche suas horas vagas assistindo a seriados, filmes e partidas de futebol, vôlei, basquete e ice hockey, além de ouvir música, ir a shows e, claro, ler. Não curte chick-lits e prefere os thrillers, policiais, YA e fantasia. Nunca sai de casa sem guarda-chuva e um livro na bolsa, afinal nunca se sabe quando irá chover ou surgir uma fila/trânsito em São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*