segunda-feira, 18/12/2017
Últimas do LeS:
Capa » Resenhas de Série » Resenha: “Maré congelada”, de Morgan Rhodes

Resenha: “Maré congelada”, de Morgan Rhodes

Maré congeladaLivro: Maré congelada (#04)
Série: Queda dos reinos, A
Autor: Morgan Rhodes (@MorganRhodesYA)
Editora: Editora Seguinte
Páginas: 438
Tradução: Flávia Souto Maior
Resenha por: Nanda
Comprar: Saraiva Cultura Amazon + ofertas

As disputas pela Tétrade, quatro cristais mágicos capazes de conferir poderes inimagináveis a quem os encontrar, continua. Amara roubou o cristal da água, Jonas conseguiu o da terra, Felix enganou os rebeldes para ficar com o cristal do ar, e Lucia está com o do fogo. Mas nem todos sabem como libertar a magia da Tétrade, e apenas a princesa feiticeira conquistou poder até agora, aliando-se ao deus do fogo que libertou de seu cristal. Gaius, o Rei Sanguinário, também não desistiu de encontrar os cristais. Ele está mais sedento por poder do que nunca, especialmente agora que não conta mais com a ajuda da imortal Melenia nem com o apoio de Magnus, o herdeiro que o traiu para poupar a vida da princesa Cleo. Para conquistar todo o mundo conhecido, Gaius resolve atravessar o mar gelado até Kraeshia, e tentar um acordo com o imperador perverso de lá. No caminho, o rei vai encontrar muitas dificuldades e inimigos, como Amara, princesa de Kraeshia, que tem seus próprios planos para conquistar o poder.

ATENÇÃO! Esse livro não é o primeiro da série e a resenha pode conter spoilers! Confira nossas resenhas anteriores dessa série, clicando na capa desejada:

“É assim que sou agora, querido irmão – ela pensou. É assim que sempre fui destinada a ser.”

A disputa pelos cristais da Tétrade continua. Só que agora, um dos cristais tem forma humana: Kyan. Com a ajuda de Lucia, pretende acabar com os vigilantes e libertar seus irmãos, aprisionados nos outros cristais – não de uma forma muito pacífica.

Além disso, Rei sanguinário foi para Kraeshia para conversar com o imperador de lá sobre uma possível aliança. E ao longo do livro, novas e surpreendentes alianças são estabelecidas em Mítica e Kraeshia – rebeldes com líderes, rebeldes com outros rebeldes e líderes com líderes.

Enquanto isso, Magnus e Cleo encontram-se em Limeros, enfrentando a dificuldade de conviverem um com o outro e com os desafios de governar o reino gelado.

Pelo que percebi, Maré Congelada é uma introdução a uma guerra que deve acontecer a seguir na história. Os dois primeiros terços do livro seguem um ritmo mais devagar, uma vez que somos introduzidos a novos personagens e a novos cenários. Eu até estava achando a história fraca, mas Morgan Rhodes não me decepciona… os últimos capítulos trouxeram novas reviravoltas e novas possibilidades que me deixaram ainda mais empolgada com a série.

Diferentemente dos outros livros, nesse eu gostei mais dos capítulos narrados pelos personagens do sexo masculino – mesmo as personagens do sexo feminino continuando incríveis.

Agora resta saber o destino de Mítica e dos personagens, porque muito deve acontecer nos próximos livros. E é na última frase da última página tem a melhor reviravolta de todas – e agora eu vou ficar sofrendo até o próximo livro chegar!

“Magnus idolatrou sua bela deusa aquela noite, tanto o corpo quanto a alma, diante do calor do fogo, sobre o tapete que levava o símbolo do reino que seu pai tinha roubado dela.”


Aviso Legal: Esse livro foi cedido pela editora responsável pela publicação no Brasil como cortesia para o Livros em Série.

Sobre Nanda

Formada em Relações Internacionais e Economia, tem 25 anos, é hiperativa e adora organizar eventos (principalmente de livros). Também adora filmes, livros (principalmente aventuras infanto-juvenis, como Percy Jackson, Harry Potter e The 39 Clues), música, viagens, Disney, desenhos japoneses, maquiagem e coleções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*