07 de fevereiro de 2017
Postado por: Bru Fernández @ Arquivado em: Top de Terça

Sabe aquele amigo/namorado/parente aquariano? Simpático, leal, honesto, brilhante, mas também imprevisível, superemocional e sempre do contra? (brinks, aquarianos!) Hoje, com a ajuda da Amazon BR, vamos indicar alguns livros para esses seres tão sonhadores:

#01

Sejamos Todos Feministas
O signo de aquário é muito intelectual, então nossa primeira indicação é na verdade um livro que todas as pessoas do mundo deveriam ler para começar a entender melhor o que é o movimento feminista. Chimamanda Ngozi Adichie é uma escritora nigeriana de mão cheia que conta sua experiência pessoal nesse curtinho livrinho que é uma adaptação da palestra dela no TEDx, musicado por ninguém menos que Beyoncé.

#02

Laranja Mecânica
Aquarianos adoram planejar o futuro, então vão curtir a chance de explorá-lo com o adolescente Alex, na brilhante e perturbadora história de uma sociedade futurista em que a violência atinge proporções gigantescas e provoca uma reposta igualmente agressiva de um governo totalitário. Preparados para esse futuro maluco?

#03

Queda de gigantes
Cinco famílias, cinco países e cinco destinos marcados por um período dramático da história. E de drama todo aquariano entende muito bem, não é? :P Esse é o primeiro livro da trilogia O século, de Ken Follett, que já foi toda publicada no Brasil, então seu amigo aquariano ansioso não vai sofrer pra poder ler os próximos volumes! Follett também é autor de Os pilares da Terra, livro que deu origem à série de TV homônima que revelou o queridíssimo Eddie Redmayne.

#04

A menina que roubava livros
Pra fechar a nossa lista, vamos apelar ao lado emocional dos aquarianos. Se você ainda não conhece a história de Liesel Meminger, chegou a hora de se comover com a pequena ladra de livros que escapa da Morte, que decide acompanhar a vida de Liesel de perto. Sucesso de crítica e de público, uma combinação raríssima e imperdível.




Nenhum comentário



Deixe um comentário

Os campos marcados com * são obrigatórios.





Comentário *