quinta-feira, 19/10/2017
Últimas do LeS:
Capa » Sagas » F » Flavia de Luce

Flavia de Luce

por Alan Bradley

#1 The Sweetness at the Bottom of the Pie (2009) | Comprar Original
#2 The Weed That Strings the Hangman’s Bag (2010) | Comprar Original
#3 A Red Herring Without Mustard (2011) | Comprar Original
#4 I Am Half-Sick of Shadows (2011) | Comprar Original
#5 Speaking From Among the Bones (2013) | Comprar original
#6 Seeds of Antiquity (xxxx) | Comprar Original
#7 The Nasty Light of Day (xxxx) | Comprar Original

Lançado no Brasil pela editora ARX

#1 Flavia de Luce e o Mistério da Torta (2010)
Resenha: Leia e comente
Skoob: Adicione na sua estante
Comprar: Saraiva Cultura Submarino

Flavia de Luce é uma garota de 11 anos, que vive numa belíssima mansão em estilo vitoriano, na Inglaterra da década de 50, com sua excêntrica família. Após a morte misteriosa de sua mãe, ela encontra diversão em um antigo laboratório de química construído por seus antepassados. Logo, ela se torna uma especialista em venenos e uma investigadora dos estranhos crimes que acontecem ao seu redor.

#2 Flavia de Luce e o Teatro das Marionetes (2010)
Resenha: Leia e comente
Skoob: Adicione na sua estante
Comprar: Saraiva Cultura

João parecia estar olhando para cima quando, com um ruído retumbante, o gigante despencou do céu e esborrachou-se no chão. Por alguns momentos o monstro ficou se contraindo espasmodicamente de modo horrível, um fio de sangue cor de rubi escorrendo do canto da boca, a cabeça pavorosa e os ombros enchendo o palco de fagulhas, enquanto fumaça e pequenas chamas erguiam-se em anéis inclementes do cabelo e do cavanhaque ardentes. Mas os olhos sem vida que olhavam sem ver para os meus não eram aqueles do gigante articulado Galligantus. Eram os olhos vidrados e moribundos de Rupert Porson. E então todas as luzes se apagaram.

#3 Flavia de Luce e o enigma da cigana (2012)
Resenha: Leia e comente
Skoob: Adicione na sua estante
Comprar: Saraiva Cultura

Curiosa como ela só, Flavia de Luce procura uma cigana para saber do seu futuro, e por que não?, também do seu passado. Mas, durante a consulta, deixa cair, sem querer, uma vela acesa, e a barraca da adivinha fica em chamas. Na tentativa de se desculpar, a menina decide ajudar a senhora e permite que ela se estabeleça por algum tempo com seu carroção em Buckshaw, a terra da família De Luce. Mas, ao visitar a cigana, pouco depois, Flavia a encontra desmaiada, com muito sangue por todos os lados.
A polícia toma a frente do caso, mas é claro que Flavia não consegue controlar seu instinto investigativo e tenta descobrir antes de todos o que está por trás desse mistério. Como quem procura acha – e, no caso de uma jovem detetive para lá de teimosa, às vezes acha até demais -, enquanto busca as respostas para o crime, Flavia se depara com um corpo pendurado em uma das mais belas fontes dos jardins de Buckshaw. A partir de então, os dias passam a ser muito turbulentos, recheados de perigosos segredos, das descobertas estarrecedoras e mais crimes assustadores.

Em meio às investigações para montar o gigantesco quebra-cabeça, Flavia ainda tem de lidar com as maluquices de suas irmãs e a irritação do pai, que está prestes a falir. Nada é fácil para a jovem heroína – e quem disse que ela gosta de moleza? Neste terceiro volume da série Flavia de Luce, não faltam elementos – químicos ou não – para que a pequena Sherlock Holmes de Bishop’s Lacey possa colocar em prática seu faro investigativo.

Blog/Site oficial da série: www.flaviadeluce.com e www.editorasaraiva.com.br/flaviadeluce/

O AUTOR:
Alan Bradley é um autor canadense que nasceu em Toronto e cresceu em Cobourg, Ontario.

Site oficial: www.flaviadeluce.com
Twitter: @
Outras sagas cadastradas no Les: não tem


Última atualização: 20/01/2013 - 03:20