domingo, 22/01/2017
Últimas do LeS:
Capa » Sagas » G » Gone

Gone

por Michael Grant

#01 Gone (2008) | Comprar Original
#02 Hunger (2009) | Comprar Original
#03 Lies (2010) | Comprar Original
#04 Plague (2011) | Comprar Original
#05 Fear (2012) | Comprar Original
#06 Light (2013) | Comprar Original

Lançado no Brasil pela editora Galera Record

#01 Gone – O Mundo Termina Aqui (2010)
Resenha: Leia e comente
Skoob: Adicione na sua estante
Comprar: Saraiva Submarino Cultura Travessa

Em um piscar de olhos, todos com mais de 14 anos desaparecem. Restam adolescentes. Pré-adolescentes. Crianças. Nenhum adulto. Nenhum professor, policial, médico ou responsável. Linhas de telefone, redes de televisão e a internet param de funcionar. Não há como pedir ajuda. A fome é intimidante e a violência começa. Os animais parecem estar se transformando, e uma criatura sinistra está à espreita. Os próprios adolescentes estão ficando diferentes, desenvolvendo novos talentos: poderes inimagináveis, perigosos e mortais, que crescem dia após dia. É um mundo novo e assustador. É preciso escolher um lado — e a guerra é inevitável.

#02 Fome (2011)
Resenha: Leia e comente
Skoob: Adicione na sua estante
Comprar: Saraiva Submarino Cultura Travessa

Já se passaram três meses desde que todos os menores de quinze anos ficaram presos na bolha conhecida como o LGAR. As coisas só pioraram. A comida está acabando, e as crianças cada dia mais estão a desenvolvendo habilidades sobrenaturais. Logo ocorrerá tensão entre aqueles com poderes e os sem poderes, e poderá ocorrer uma tragédia indescritível, irrompendo o caos. Normais contra os mutantes, e uma batalha com rumo sangrento. Mas há algo escondido que é mais perigoso. Uma criatura sinistra conhecida como a Escuridão começou a chamar os sobreviventes do LGAR. Ela precisa de seus poderes para sustentar a sua própria. Quando a Escuridão chama, alguém vai responder – com consequências fatais.

#03 Mentiras (2012)
Resenha: Leia e comente
Skoob: Adicione na sua estante
Comprar: Saraiva Cultura Travessa

Isso aconteceu em uma noite: uma garota morta caminha entre os vivos, Zil e os Normais ateiam fogo a Praia Perdido, e no meio das chamas e fumaça, Sam vê o garoto que mais teme – Drake. Mas Sam e Caine derrotaram ele junta com a Escuridão – ou assim acreditavam. Com Perdido Beach queimada, o combate inicia-se: Astrid contra a Town Council, os Normais contra os mutantes, e Sam contra Drake. E a profetiza Orsay e Nerezza estão pregando que a morte os libertará. Com a vida em LGAR tornando-se cada vez mais desesperadora, ninguém sabe em quem confiar.

#04 Praga (2013)
Resenha: Leia e comente
Skoob:
Adicione na sua estante
Comprar: Saraiva Submarino Cultura Travessa

O terror já se tornou parte da vida dos habitantes do LGAR. Eles sobreviveram à fome, às mentiras e ao mais completo caos. Agora parecem ter uma trégua. Caine foi exilado em uma ilha, e Drake, que voltou ainda mais cruel e doentio – e agora imortal –, está preso. Mas, no LGAR, os problemas não somem assim tão facilmente. Enquanto a água acaba e a sede se torna insuportável, uma gripe fatal e contagiosa se espalha por Praia Perdida. E na floresta, um parasita transmitido pelas cobras voadoras dá origem a insetos malignos, gigantes e predadores que aterrorizam os habitantes do LGAR.

#05 Medo (2014)
Resenha: Leia e comente
Skoob:
Adicione na sua estante
Comprar: Breve

Já faz mais de um ano desde que todos os adultos simplesmente desapareceram. E apesar das mentiras, da praga e da fome que assolaram as crianças de Praia Perdida, de alguma forma elas foram capazes de sobreviver. No entanto, dessa vez as ameaças são ainda mais aterrorizantes do que antes. Dentro de LGAR, a Escuridão começa a dominar, e a luz do sol fica cada vez mais escassa. No escuro, enxergar torna-se impossível, assim como plantar e colher alimentos. O pânico e a ameaça da fome levam os moradores à beira da loucura.

Blog/Site oficial da série: não tem

O AUTOR:
Michael Grant cresceu em uma família militar, passando por escolar em cinco estados dos EUA, além de 3 escolas na França. Quando adulto, se tornou autor em parte porque “era um dos poucos trabalhos que não o amarrariam a um lugar específico”.

Site oficial: www.themichaelgrant.com
Twitter: @
Outras sagas cadastradas no Les: não tem


Última atualização: 11/06/2014 - 04:05